Saiba como se tornar um piloto de drone profissional - GoDrones
Conteúdo Especial

Saiba como se tornar um piloto de drone profissional

Arraste para baixo

Que tipo de trabalho dá pra fazer com um drone?

Sem dúvidas, umas das áreas que mais cresce atualmente e ainda tem muito potencial para crescer é a demanda de serviço com drones. Anualmente, novas tecnologias são incorporadas às aeronaves, e isso faz com que elas se tornem mais inteligentes e sofisticadas. Em virtude das facilidades que os drones trazem, muitas áreas começaram a se expandir e alcançar novos horizontes, como é o caso da aerofotografia e aerocinematografia.

Veja abaixo como se tornar um piloto de drone e como começar a investir na carreira:

drone DJI

O que é preciso para ser um piloto de drone?

A primeira coisa que você precisa fazer é entender como funciona um drone. Para isso, existem escolas que ministram cursos de pilotagem. Depois de aprender a pilotar, você precisa se cadastrar como piloto e cadastrar também sua aeronave na Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e obter seu certificado de licença para voos. Algumas empresas, por questão de segurança, pedem o registro do operador na ANAC, por isso você e seu drone precisam estar regulamentados antes de começar a voar.


Todos os drones devem ser registrados?

Drones com peso máximo de até 250g não precisam ter licença. Já os modelos com peso máximo de decolagem superior a 250g o registro é obrigatório e deve ser feito pelo Sistema de Aeronaves Não Tripuladas (SISANT) da ANAC no endereço sistemas.anac.gov.br/sisant. O número de identificação gerado na certidão de cadastro deve estar acessível na aeronave ou em local que possa ser facilmente acessado, de forma legível e produzido em material não inflamável.

Você também deve seguir todas as orientações de segurança de voos da ANAC. Saiba mais aqui: Regras de segurança da ANAC para o uso de drones

drone DJI

Quanto ganha um piloto de drone?

Os drones estão abrindo um universo de possibilidades, que vai desde uma foto até mapeamento 3D e futuramente a aeromobilidade. Atualmente é possível usar drones em diversos tipos de serviços: pulverização, mapeamento, vídeos, fotografias, inspeções, segurança, cobertura de eventos etc. O mercado tem crescido bastante para quem é piloto, o salário mensal varia de R$ 1,5 mil até R$ 12 mil dependendo do tipo de drone que será usado e o tipo de serviço que será feito. E a demanda só cresce, por isso que o trabalho de um piloto de drones é valorizado, tendo em vista que não há muitas pessoas qualificadas para atender as necessidades do mercado.

Trabalhe por conta própria

Você pode ser um piloto freelancer e trabalhar em várias áreas como fotografia, vídeos e mapeamento, basta ter um drone com características suficientes para prestar vários tipos de serviços. Você ainda pode ganhar dinheiro vendendo suas fotos e vídeos para sites de fotografias, TVs e produtoras. Invista também em um curso de edição de vídeo e Photoshop e isso vai te ajudar muito no processo de pós-produção de suas imagens.

Invista em manutenção

Outra área que dá pra ganhar dinheiro com drones é manutenção. Diariamente pessoas procuram profissionais experientes para fazer manutenção, troca de peças e consertos em aeronaves, e são pouquíssimas pessoas que atendem o mercado atualmente. Muitas vezes é necessário enviar um drone para outro estado devido a falta de assistência local. À medida que cresce a demanda de serviços com drones, aumenta também a demanda por manutenção, conserto e troca de peças. É uma boa área para começar a investir, não acha?

Qual drone eu preciso comprar?

A primeira coisa que você deve ter em mente é qual área quer atuar. Você deve comprar um drone de acordo com o serviço que você irá prestar. Se você deseja trabalhar com vídeos, você deve investir em um drone que tenha no mínimo uma câmera 4k, e não é qualquer drone com câmera 4k. É preciso ficar atento à tecnologia que o drone traz, tempo de voo, alcance e muito mais. Você pode ver nossa lista completa de drones com suas especificações neste link. Não invista em um drone básico para realizar um serviço profissional, afinal ninguém vai pagar por imagens tremidas, borradas, escuras ou de baixa qualidade.

Se você quer trabalhar com fotografia a regra é a mesma, deve-se observar se o drone que você está adquirindo tem suporte para imagens de alta qualidade (DNG/RAW). Já na área de agricultura, deve-se observar o peso máximo que o drone pode levantar. Lembre-se: para cada tipo de serviço existe um drone ideal.

DJI Mavic Enterprise
Drone Zino

Dicas de como comprar um drone profissional ideal

  • Compre um drone com câmera 4k;

  • Prefira modelos com tempo de voo acima de 30 minutos;

  • Compre modelos com gimbal de 3 eixos;

  • Drones que alcançam 4 ou 5 km, no mínimo, são os ideais;

  • Os drones dobráveis são melhores para carregar;

  • Compre o cartão SD recomendado pelo fabricante;

  • Drones com sensores de obstáculos são os melhores para evitar colisões;

  • Compre um drone que tenha assistência no Brasil.